11 ferramentas para quem tricota

Atualizado: 12 de Dez de 2018


Têm duas coisas que são indispensáveis para quem quer fazer tricô manual: agulhas e fios. Ok! Dá para fazer tricô sem agulhas (com os dedos ou com os braços), mas basicamente esses são os dois materiais ultra-necessários para fazer tricô.


Mas, além deles, outras ferramentas podem ajudar no trabalho de toda tricoteira. Por isso, preparei uma lista das que não podem faltar na sua bolsa de tricoteira.




1

Tesoura


Uma boa tesoura é uma grande aliada de qualquer pessoa que trabalha com fios. Existem diversos modelos e marcas no mercado. Se estiver em dúvidas de qual comprar, procure uma bem afiada, já que o corte dos fios será mais fácil


2

Agulhas (de tapeçaria e outras)


Eu não gosto de fazer peças com costura, mas ter uma boa agulha de tapeçaria ajuda, além da costura, a fazer bons acabamentos. Eu tenho sempre agulhas de várias espessuras comigo. As mais grossas uso para costurar e, as mais finas, para esconder os fios e fazer os acabamentos.


3

Agulhas de tranças


Agulhas de tranças ou agulhas auxiliares para tranças nos ajudam no trabalho de trocar os pontos de lugar quando vamos fazer tranças no tricô. Normalmente, os kits vêm com três espessuras diferentes. Também existem dois modelos: um reto com uma leve curvatura no centro e outro que se assemelha a um “v”. Além do seu uso para tranças, uso também essas agulhas para salvar pequenos desastres que acontecem no tricô.


4

Agulha de crochê


São coringas! Você pode usá-las para salvar pontos, corrigir pequenos erros, levantar pontos quando for muito difícil de fazer isso com as agulhas de tricô e ainda podem ser muito úteis para fazer acabamentos.


5

Alfinete segurança


Extremamente úteis quando precisamos deixar uma pequena quantidade de pontos em espera.


6

Réguas


Você vai precisar de réguas para medir sua amostra. E se puder escolher, compre aquelas que já vêm com medidores de espessura de agulhas.


7

Fita métrica


Não dá para fazer uma roupa em tricô sem saber as medidas corretas. Por isso, uma boa fita métrica deve estar em seu estojo.


8

Protetores de ponta


Para manter os pontos seguros na agulha, os protetores de pontas são ótimos aliados. Existem protetores simples e uns muito fofos para colecionadores de gadgets de tricô.


9

Contadores de carreiras


Quantas vezes você já se perdeu na conta das carreiras? Para isso não acontecer, um contador de carreiras pode ajudar muito. Existem contadores manuais e também os digitais.


10

Marcadores de pontos


São argolinhas, alfinetes de segurança pequenos de plástico ou metal ou ainda pequenos ganchinhos. Eles servem para determinar no percurso onde devemos fazer alguma coisa diferente, como um aumento por exemplo.


11

Estojo


E onde levar tudo isso? Em um estojo bem legal! Assim tudo fica protegido e com fácil acesso.


Agora me conta o que você carrega sempre que vai tricotar e onde leva?


Quer participar de sorteios mensais da Flor de Iris. Então clica aqui e confere o regulamento.

0 visualização

Curitiba - PR - Brasil

© 2018 Iris Alessi * Flor de Iris. 

41| 99169-2070

download.png